terça-feira, 31 de agosto de 2010

Mais testes saindo do meu "laboratório"...


Hoje faltam 30 dias para a festinha de aniversário de 1 ano da minha filhota Maria e eu resolvi fazer cupcakes para presentear os convidados.

Já testei algumas receitas, mas ainda não tinha decidido ainda a cobertura. Fiz uma que tirei do The Cookie Shop maravilhosa, mas ainda acho que o povo se amarra no velho e bom chocolate. Aí resolvi me arriscar no mundo do ganache.

Já testei um ganache que não deu certo e aí investi mais tempo nas buscas e encontrei outra receita no Chocolatria. Aliás, me apaixonei por este blog. Vocês não tem noção das coisas maravilhosas que encontramos por lá.

Aí hoje no meu horário de almoço, resolvi que testaria a receita do Ganache.
Mas testar sem ter onde por não dá né?

Então resolvi fazer um bolinho de chocolate rápido para receber o meu teste de ganache.

Lembrei da receita de um bolo chamado Negrito que tem lá no blog da minha amiga Ana Sixx, o Panela di Barro. Bolo rápido, fácil e super gostoso.

Não contente em só testar a cobertura, resolvi seguir o passo-a-passo que tem lá no The Cookie Shop de como fazer um cupcake. Lembrei de um pote de doce-de-leite que ganhei numa festa lindinha de fazendinha da semana passada e resolvido: tinha o bolo, o recheio e o teste do ganache.

Mãos à obra:

Bolo Negrito (o Panela di Barro)

Ingredientes:
3 ovos
1 1/2 xícara (chá) de açúcar
3/4 xícara (chá) de óleo
2 xícaras (chá) de chocolate em pó
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 xícara (chá) de água fervendo
1 colher (sobremesa) de fermento em pó

Modo de preparo:
Bater bem os ovos com o açúcar.
Juntar o óleo, a farinha de trigo, o chocolate (não usar achocolatado senão ficará doce demais), misturando bem. Jogar por cima a água fervendo e por último o fermento. Este bolo pode ser feito até no liquidificador que dá certo. Olha esta massa na foto abaixo. Que coisa mais linda.
Como usei forminhas de cupcake, não precisei untar.
Coloquei direto nas forminhas de papel.
Coloquei a massa com uma colher. Para dar 2/3 em cada forminha, utilizei 3 colheres de massa.
Rendeu 12 cupcakes e mais alguma coisa que assei em outra assadeira normal pequena.
O tempo de forno você terá que ver de acordo com o seu. Como já disse em outras ocasiões o meu não é parâmetro. Uso a dica da Sil. Cheirou é porque está pronto.
Não lembro se foi no The Cookie Shop, mas soube da dica de deixar os bolinhos esfriando numa grade para evitar que fiquem úmidos na base.
Como não tenho esta grade, usei o escorredor de louças mesmo.
Esperei esfriar, coloquei numa bandeja e levei para a geladeira.
Esta dica é para que o bolinho fique mais firme para cortar para colocar o recheio.


Deixei coisa de uns 40 minutos. Só para dar uma resfriada mesmo.
Aí recortei uma espécie de cone para colocar o recheio.
Não vá se empolgar e comer esta “tampinha” inteira. Pode comer só a pontinha do cone, pois como você vai colocar o recheio, precisa só da tampinha mesmo.

Recheio (pote de doce da festinha do Igor):
Doce de leite ou se quiser, pode cozinhar uma lata de leite condensado na panela de pressão por 20 a 30 minutos depois de iniciar a pressão. Porém não abra a lata enquanto não tiver certeza de que está frio. Caso esteja quente e você abrir, a pressão fará o leite condensado espirrar, podendo causar queimaduras. Muita atenção.



Com uma colher de chá, fui colocando doce de leite no buraquinho que fiz nos bolinhos. Deu cerca de 2 colheres de chá para cada bolinho.
Feito isso, coloquei as tampinhas.

Cobertura - Ganache:
250g de chocolate de cobertura (gosto de usar Nestlé)
150g de creme de leite de caixinha

Pique o chocolate, derreta no microondas se você tiver segurança de que não vai queimar o chocolate. Liguei o meu em 15 segundos. Desliguei e mexi com espátula. Fiz isto mais umas 2 vezes e aí misturei o creme de leite. Pronto! O ganache estava pronto. Coloquei no saco de confeiteiro e levei para a geladeira.
Depois de uma meia hora já tava durinho. Pronto para fazer a cobertura dos cupcakes.
Aí quem disse que saia a cobertura no bico?? Tava duro. Apertei tanto o saco que quando saiu pelo bico o ganache já estava mole de novo.
Então esta parte desastrosa vale mais tentativas. Acho que preciso comprar um saco e bicos de confeiteiro mais “profissas”. Mas o negócio é continuar tentando.

E como este “mal” não pode ficar dentro da minha casa, tratei de levar na escola do meu filho para distribuir para as mamães de plantão no portão.

2 comentários:

Ana Sixx disse...

Juci,
Sinceramente, não sei onde vc quer ir.
Ou melhor, não sei o que vc quer fazer de mim.
Uma escrava sexual?
Uma seguidora viciada em comida??
Pára, pára tudo!!!!!!!!!!!!!
Nossa, dava o meu dedo mindinho do pé esquerdo pra comer isso.
PQP
Socoooooooooorro gente, ela não tem pena de mim.
Eu tô prenha, cheia de desejos, e ela mora há quilômetros de distância!!!!!!!!!!!

Tá maravilhso Ju, maravilhoso!!!

Juci Freitas (Cuca) disse...

Gostou né? Viu que transformação legal do seu Negrito? A massa dele é perfeita para cupcake. Bjs